A aniversariante da semana

0
983
Ivonete Garcia dos Santos Mussi e nosso amigo Daniel Galvão, jornalista e também blogueiro!

AO QUE TUDO INDICA uma greve no transporte público em Macaé começou nesta madrugada. Os funcionários reivindicam os aumentos salariais, pois estão há mais de dois anos sem aumento. E se tem uma empresa que lucra e não investe no funcionário ela não roda.

AUMENTO. Uma ida ao supermercado hoje em dia não sai por menos de duzentos reais comprando o necessário, o básico. Mas aumento salarial que todos têm direito não acontece. Não demora vamos sim virar uma Venezuela da vida.

CALÇADÃO. O excesso de caixas de som na frente das lojas está insuportável. É impossível manter uma conversa por lá, falar ao telefone, então, nem pensar. Pior os carrinhos de mão com caixas de som ambulante. Terríveis. É geração de empregos mas bom senso tem que haver ou até mesmo uma fiscalização.

LÁ FORA. Empresas estão oferecendo aos funcionários, alguns mimos: Pode levar o cão ou gato para o trabalho; serviço de lavanderia; lavagem de carro, cerveja de graça após o expediente na sexta-feira, folga em dia de aniversário. Segundo os diretores, os funcionários rendem mais, trabalham satisfeitos e participam mais de suas vidas e comodidades. O retorno é excelente.

CARTÃO MACAÉ. A cobrança integral da tarifa do Sistema Integrado de Transporte, para quem não tiver o Cartão Macaé, começa dia 29. A partir desta data, quando o Terminal Central também será fechado para reformas, o valor da passagem de ônibus será R$ 3,05. Os usuários cadastrados irão pagar R$ 1,00. A medida atende passageiros sem limite de uso diário, conforme revogação do decreto 121/2018. O cadastro no Cartão Macaé segue até dia 30 (domingo), na antiga garagem da Macaense (Rua Antero Perlingeiro, 402, Centro), de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, e sábado, das 8h às 18h. No dia 30/9, último dia, o atendimento será das 8h às 15h.