Corpo encontrado no Rio-Macaé era do travesti

2840
Vítima foi identificada como Anderson José de Melo, de 23 anos, conhecido como Andressa Muda

O Instituto Médico Legal de Macaé identificou o corpo de um homem encontrado na noite do último dia 3, no Rio Macaé, embaixo da Ponte da Barra. A vítima foi identificada como Anderson José de Melo, de 23 anos, conhecido como Andressa Muda.

A identidade foi confirmada pelo IML, no início da tarde de ontem (5), quando familiares da vítima compareceram ao órgão para fazer o reconhecimento do corpo que estava em estado de decomposição. Partes das mãos e dos pés foram encontrados amarrados em uma pedra no Rio Macaé.

A Polícia Civil não soube informar se o jovem foi torturado até a morte ou morto por perfuração de arma de fogo, já que o corpo estava completamente inchado. A vítima tinha tatuagens em forma de um coração alado, no dorso da mão direita, e o nome ‘Andressa’ no braço esquerdo.

Anderson era travesti, natural da cidade de Igarassu, Estado de Pernambuco, e trabalhava em um salão de beleza no bairro Parque Aeroporto, em Macaé.

A polícia acredita que, possivelmente, a vítima foi morta na madrugada do último sábado (31), devido ao estado em que se encontrava a situação do corpo.

A Polícia Civil investiga a causa do crime.