Novo comandante promete mudanças na Polícia Militar

0
1202
Tenente-coronel Rodrigo IbiapinaUma das características do novo comandante é a participação dele nas operações táticas

Tenente-coronel Rodrigo Ibiapina assumiu o comanda na última quarta-feira, e afirma que perspectivas são positivas para a gestão

O 32°  Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Macaé está sob novo comando desde a última quarta-feira(28), quando o tenente-coronel Rodrigo Ibiapina assumiu a corporação. Entre os objetivos do comandante está a repressão ao tráfico de drogas e a garantia da segurança da população. Ibiapina tem uma grande missão pela frente: a de comandar uma das principais corporações do interior do Estado do Rio de Janeiro, com número reduzido de efetivo e recursos.
O 32° BPM é responsável pelo policiamento nas cidades de Macaé, Rio das Ostras, Casimiro de Abreu, Carapebus, Conceição de Macabu e Quissamã. Ele conta com um efetivo de 700 homens, mas cerca de 500 estão em exercício, metade do que seria necessário para a região, segundo o comandante, que afirma que os reforços de cidades vizinhas é que ajudam no policiamento.
Ibiapina declara, ainda, que 60 homens dos batalhões de Itaperuna e Pádua vão auxiliar no policiamento na área central para os Policiais Militares de Macaé se deslocarem para ações estratégicas contra o tráfico.
Uma das características do novo comandante é a participação dele nas operações táticas. A ideia é nortear as ações durante o trabalho. Os constantes confrontos armados entre criminosos e a Polícia Militar, assim como a forte atuação do tráfico de drogas nas comunidades de Macaé e Rio das Ostras preocupam.
Em janeiro deste ano, traficantes invadiram o bairro Lagomar. Houve confronto entre as facções criminosas, e a Polícia Militar entrou em ação e interveio, e um policial militar, Renê Araújo, morreu no confronto.
Ibiapina tem uma preocupação especial com a manutenção das viaturas da PM. Muitas estão sucateadas, e precisam de reparos. Um dos veículos tem marca de tiros na lataria. O tenente informa ainda que planeja investimento no setor de inteligência da PM. Segundo ele, o trabalho vai ser sustentado com três focos: o resgate da cultura de paz, a segurança do cidadão e o respeito ao policial militar.
Segundo o tenente-coronel, o batalhão tem alcançado as metas da Secretaria de Segurança do Estado e conseguiu reduzir os índices de roubos de rua, de veículos e crimes de letalidade violenta, no segundo semestre do ano passado. Para reduzir ainda mais os números, o trabalho é desenvolvido com base na mancha criminal da cidade. Na área central os assaltos são as principais ocorrências, no entorno de bairros são os homicídios e dentro das comunidades, o tráfico de drogas.
Ibiapina revela que o disque-denúncia é uma importante ferramenta no combate à criminalidade.
Os contatos do disque-denúncia são o tradicional 190, e também o 2765-7296 e ainda  o whatsapp, (22) 98168-2344. A população também pode entrar em contato pela página do batalhão nas redes sociais e no endereço eletrônico que é o denuncie@32bpmrj.org .O anonimato é garantido.