No último final de semana, Joseilton participou da sua penúltima prova do ano, a Corrida do Bem, em Macaé - Divulgação

Atleta, que mora em Macaé, corre para conseguir ajuda para realizar o sonho. Recentemente teve que desistir de ir para o Mundial do Havaí por falta de recursos

Desde o começo do ano, um dos principais planos de Joseilton da Silva Santos era disputar, pela terceira vez consecutiva, a etapa final do XTERRA, o Mundial no Havaí (EUA), que aconteceu no final do mês de novembro. No entanto, a falta de recursos acabou fazendo com que o atleta tivesse que cancelar a sua participação e adiar os planos para 2020.

“Não fui para o mundial esse ano, não deu para ir, infelizmente. Não consegui as passagens e tive que desistir”, lamenta.

Apesar de não conseguir o seu objetivo, o atleta segue de cabeça erguida. Recentemente ele disputou a etapa de Macaé da Corrida do Bem.

“Achei que não ia ter mais provas esse ano, mas acabou surgindo essa prova. Penúltima do ano e, claro, no quintal de casa. O tempo não foi bom como eu queria, mas está valendo. Mais uma conquista para a retrospectiva 2019, que foi um grande ano”, avalia.

Para o próximo ano, Joseilton tem planos ambiciosos. O principal deles é a Maratona de Boston, considerada a mais famosa do mundo. Ao todo são 42Km entre as cidades de Hopkinton e Boston, no Massachusetts, Estados Unidos.

“Já estou começando a me preparar para o próximo ano. Estou trabalhando desde já para conseguir realizar esse sonho de disputar a maior prova do mundo, a Maratona de Boston, em abril. Também tenho o desejo de ir no final para o mundial do Havaí”, projeta.

Joseilton acredita que a corrida de rua tem ganhado cada vez mais adesão na Capital do Petróleo. “Está surgindo um novo tempo para os corredores aqui em Macaé. Preparem-se para novidades que prometem mudar, por completo, esse esporte aqui na cidade”, disse sem revelar detalhes.

Quando ainda corria no interior de Sergipe, Joseilton jamais imaginou que a sua maior paixão poderia lhe proporcionar a chance de conhecer o mundo e várias pessoas. Por onde passa, faz questão de lembrar de onde veio: os povoados de Flexeiras e Curral do Meio e não esconde também o carinho que tem por Macaé, cidade onde escolheu viver junto com a família. “É um sonho poder viajar o mundo e conhecer pessoas, algo que nunca imaginei e, graças ao esporte, eu estou tendo essa chance”, diz Joseilton, que divide o tempo também com o seu trabalho de vigia e pedreiro.

Quem tiver o interesse em ajudar ou patrocinar o atleta, basta entrar em contato com ele através dos telefones: (22) 99784-6087/ 98857-3540, por e-mail: joseilton.silva.santos@outlook.com ou no Facebook: Joseilton da Silva Silva Santos.

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.