Dr. Eduardo faz defesa da coligação do PPS com o DEM que pode lançar Welberth à Alerj

0
613
Presidente determina votação do projeto da Bolsa Escola para a próxima semana

Presidente do Legislativo destacou crescimento do partido na região que poderá beneficiar projeto de vereador mais votado na cidade

Ao considerar o convite feito por Eduardo Paes (DEM) ao deputado estadual Comte Bittencourt (PPS), para formar chapa majoritária na disputa pelo governo do Estado nas eleições deste ano, como um reconhecimento ao crescimento do PPS no Estado, o presidente de honra do partido em Macaé, Dr. Eduardo Cardoso, afirmou que a legenda torna-se cada vez mais forte na região.

Filiado ao partido há 20 anos, exercendo cinco mandatos no Legislativo através da legenda, Dr. Eduardo pontuou a representatividade da posição de Comte como o vice na chapa de Eduardo Paes. “Comte nunca foi um candidato de explosão de votos, mas se elegeu deputado por diversas vezes. O PPS não é um partido grande, possui apenas um deputado federal. Mas é um partido que discute política todos os dias, com seriedade. E isso gerou esse convite do Eduardo Paes”, disse o presidente.

Dr. Eduardo apontou que se essa coligação entre os partidos for mantida, há uma proposta evidente de maior fortalecimento do PPS na região. “Não somos um partido que vai definir a eleição, mas vamos colocar um emblema, que o governo próximo, se houver, não terá a cara do MDB. Possivelmente haverá essa coligação para governador e para vice. E vamos oferecer uma perspectiva para mostrar a cara do partido em toda a região, da melhor forma possível”, disse.

O convite de Paes a Comte abriu uma brecha significativa no PPS para disputa da vaga que será deixada pelo deputado estadual na Alerj.

Presidente do PPS em Macaé, o vereador Welberth Rezende passou a ser cotado como o candidato de Comte à Alerj, oportunidade que apesar de não ter sido confirmada pelo parlamentar na sessão ordinária de ontem, já vem sendo tratada como certa por militantes que atuam junto ao seu mandato, como o vereador Márcio Bittencourt (MDB). “Nós vamos abraçar a causa do Welberth que achamos um bom nome para a nossa cidade”, disse Márcio.