O extraditando foi alvo da Operação Fronteira deflagrada pela PF no Rio de Janeiro, em dezembro de 2020.

Foz do Iguaçu/PR – Na manhã desta terça-feira, 18/01, a Polícia Federal recebeu das autoridades paraguaias um dos maiores traficantes internacionais de armas, conhecido como “Senhor das Armas”. A entrega do extraditando paraguaio aconteceu na Ponte Internacional da Amizade, em Foz do Iguaçu/PR.

O estrangeiro foi alvo da operação FRONTEIRA deflagrada pela Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, em dezembro de 2020, com objetivo de prender traficantes internacionais de armas e drogas, responsáveis pelo envio dos ilícitos para o Brasil.

A investigação foi resultado de um trabalho integrado e de cooperação internacional das instituições brasileiras e paraguaias, que contou com a participação da Núcleo de Cooperação Policial Internacional (Interpol/RJ).

Na ocasião foram cumpridos 03 (três) Mandados de Prisão Preventiva e 04 (quatro) Mandados de Busca e Apreensão, expedidos pela 2ª Vara Federal Criminal de Volta Redonda/RJ, em desfavor dos investigados em Ciudad Del Leste, no Paraguai, e em Macaé, no Rio. Os mandados judiciais foram homologados pela Justiça Paraguaia, após Difusão Vermelha, que é a ordem de captura internacional no sistema da Interpol mundial – red notice.

O preso foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR, onde será comunicado sua detenção e, posteriormente, levado para uma unidade prisional.

O Paraguai permite a extradição de seus nacionais que cometem crimes em outros países, diferentemente do Brasil, que não permite a extradição de brasileiro nato.