Foto: Divulgação

Ex-presidiário pediu votos explicitamente, o que é proibido pela Lei antes do dia 15 de agosto.

O ex-presidiário Lula, descondenado pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, manifestou seu desprezo pela legislação eleitoral durante um evento público em Terezina, no Piauí, na última quarta-feira (3).

O petista desrespeitou a legislação eleitoral que determina que pedidos de voto por candidatos só podem ser feitos a partir do dia 15 de outubro neste ano. 

Pois bem. Em um comício gravado e transmitido pelas redes sociais, Lula pediu votos abertamente para si, para Wellington Dias e para Rafael Fonteles. “Eu queria pedir para vocês que no dia 2 de outubro vote em mim, vote no Wellington, mas primeiro vote no Rafael, porque ele vai cuidar do povo do Piauí”, disse Lula.

O ex-presidiário desrespeitou o Artigo 36-A da Lei das Eleições,  mas a transgressão pode levar no máximo ao pagamento de uma multa, que certamente será paga pelo partido. Ou seja, será bancada com dinheiro do pagador de impostos.

Por Portal Novo Norte

1 COMENTÁRIO

  1. meu maior sonho é ver esse jornal falido, sumir do mapa, esse jornal não respeito pelo lentores, aquele que talvez acreditava que teria algum fundo de verdade no que é publicado aqui, na verdade são pessoas que se dizem profissionais mais verdade não são pessoas de interesse próprio, pessoas ligada a politica por anos e mais ano,
    a nossa cidade é rodeada de violência, corrupção, uma cidade que pra ser linda devido o volume de dinheiro que entrar, isso a gente não ver porque os dono desde jornal participa da corrupção no município.
    vocês deveria tomar vergonha na cara são bandidos incubados – aproveita a praga da merda de jornal que sempre foi fuleiro e dá a noticias para o povo fala a verdade para povo pode uma é certa noticias nessa cidade não falta.

Comments are closed.