Macaé abre postos de trabalho e com melhor saldo em quatro anos

1
490

De janeiro a abril, Capital Nacional do Petróleo gerou 974 empregos em diferentes áreas

Divulgado na noite da última quarta-feira (20), o novo balanço do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged), do Ministério do Trabalho, indica que Macaé mantém em alta a geração de postos de trabalho, atingindo índice superior que o registrado nos últimos quatro anos.

Apenas em maio, 86 postos de trabalho foram abertos na cidade, de acordo com os dados do Ministério. No mês, 2,7 mil admissões foram registradas e 2,6 mil demissões foram homologadas. A cidade mantém mais de 102 mil empregos formais cadastrados.

De janeiro a maio deste ano, 974 postos de trabalho foram abertos no município, número que supera o desempenho de todas as demais cidades do Norte Fluminense e Região dos Lagos.

Desde 2014, Macaé não registra saldo positivo em geração de postos de trabalho. Nos últimos quatro anos, o município amargou saldos negativos no comparativo entre o número de admissões e demissões. Apenas em 2017, mais de 3,3 mil empregos foram encerrados na cidade nos primeiros cinco meses do ano.

A previsão é que o município mantenha positiva a geração de postos de trabalho neste ano. E essa perspectiva está baseada no novo momento do mercado do petróleo nacional, baseado em investimentos já anunciados pela Petrobras, assim como nos leilões realizados pela Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Ainda de acordo com o Caged, as áreas que mais geraram postos de trabalho são as atividades offshore, comércio e a prestação de serviços em geral.

 

1 COMENTÁRIO

  1. preciso de uma oportunidade, na hotelaria, fui demitido , em 2017 da cis por termino , de contrato, estou precisando de uma oportunidade.

Comments are closed.