Jovem é executado a tiros no bairro Bela Vista

610
Rafael foi morto com cinco tiros na cabeça, na Vila Margarida, no bairro Bela Vista

Crime aconteceu no início da tarde de quarta-feira (11), por volta de meio dia, na Vila Margarida, e chocou os moradores da localidade

O segundo crime registrado deste mês chocou os moradores do bairro Bela Vista, no início da tarde de segunda-feira (11), por volta de meio dia, na Vila Margarida. A vítima foi identificada apenas como Rafael, de 24 anos, executado com cinco tiros na cabeça.

Segundo informações dos moradores, Rafael era morador do bairro Campo do Oeste, e passava de bicicleta no bairro Bela Vista quando foi surpreendido por um homem que estava em um veículo e abordou o jovem efetuando diversos disparos de arma de fogo contra ele, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Em entrevista ao jornal O DEBATE, um morador que preferiu não se identificar como medo de represália, disse à nossa equipe de reportagem que o criminoso é conhecido na redondeza do bairro e teria afirmado para alguns moradores que existe uma lista com seis nomes para a execução.

“Os bairros como Visconde, Bela Vista e Campo do Oeste têm sido alvo de muito assalto, furto, roubo e tráfico de drogas. A maioria das execuções que acontece aqui na região é ligado ao tráfico, e temos preocupação da insegurança aumentar por aqui”, relatou o morador.

O corpo de Rafael foi encaminhado para o IML de Macaé.

Primeiro crime do mês – no último dia 3, o corpo de um homem encontrado na noite do último dia 3, no Rio Macaé, embaixo da Ponte da Barra. A vítima foi identificada como Anderson José de Melo, de 23 anos, conhecido como ‘Andressa Muda’.

O corpo estava em estado de decomposição. Partes das mãos e dos pés foram encontrados amarrados em uma pedra no Rio Macaé.

A Polícia Civil não soube informar se o jovem foi torturado até a morte ou morto por perfuração de arma de fogo, já que o corpo estava completamente inchado.

Anderson era travesti, natural da cidade de Igarassu, Estado de Pernambuco, e trabalhava em um salão de beleza no bairro Parque Aeroporto, em Macaé.
Até o momento ninguém foi preso.