Inea notifica Aterro Sanitário de Rio das Ostras

0
1177
Poder público tenta identificar as possíveis causas do vazamento

Segundo Instituto Estadual do Ambiente, foi constatado vazamento de chorume, que atingiu o solo

O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) notificou na terça-feira (12), a prefeitura de Rio das Ostras devido a constatação de vazamento de chorume que atingiu o solo do Aterro Sanitário. De acordo com o Inea, o poder público deverá adotar medidas de mitigação necessárias, que serão devidamente acompanhadas pelo instituto.

O órgão ressalta que o aterro sanitário possui licença de operação dentro do prazo de validade. Caso a prefeitura não se cumpra com a adequação emitida pelo Inea dentro do prazo estabelecido, o local poderá ser interditado.

A administração municipal informou que as causas do vazamento provocado pelo rompimento de alguns Geobags, ocorrido no último domingo, dia 10, na Estação de Tratamento do Aterro Sanitário, estão sendo apuradas.

Ainda de acordo com a prefeitura, uma pequena área foi atingida por um material sólido já tratado, que afirma não ser chorume in natura.

A secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca com auxílio técnico do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAEE), foi mobilizada e está atuando na identificação das possíveis causas do vazamento, que acreditam-se ter sido provocadas por falhas de construção dos Geobags e, caso seja confirmada essa hipótese, a empresa responsável pelo fornecimento do produto será acionada.

Além disso, a Secretaria informou que está realizando ações de contenção e limpeza da área para regularização e posterior retomada da operação do sistema, seguindo também as orientações do Inea.