Abrigo de inverno com uma média de 45 pessoas assistidas por noite

408
Local funciona diariamente com a oferta de 50 dormitórios

O abrigo temporário de inverno completou um mês de funcionamento na última sexta-feira (20). Neste período, uma média de 45 pessoas passam pelo local todas as noites. As tendas funcionam na praça Washington Luís e permitem que pessoas que estão em situação de rua tenham um lugar para dormir neste período de noites mais frias. Acolhimento e uma nova chance de vida também permeiam as histórias de quem passa pelo espaço.

O encarregado de manutenção, que é natural de Mato Grosso, Isac Paulo, de 29 anos frequenta diariamente o abrigo e o Centro Pop. Há dois anos ele perdeu o emprego e pouco depois não conseguia mais pagar o aluguel, indo parar na rua. Atualmente ele faz artesanato e tem a oportunidade de expor e vender seus produtos na Feira do Produtor Rural, que acontece todos os sábados na rua Manoel Joaquim dos Reis, ao lado do Supermercado Extra, no Centro.

“Estou em Macaé há 10 anos e trabalhei em várias empresas, mas estou lutando para voltar ao mercado de trabalho. Já fiz o cadastro na Central do Trabalhador e entreguei diversos currículos. Tenho certeza que esta é apenas uma fase e que vai passar”, disse Isac.

Para a secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Tatiana Pires, o espaço permite às pessoas que estão em vulnerabilidade de terem um contato com a rede de serviços sociais que a prefeitura oferece e, desta forma, poderem ter um novo olhar sobre a própria condição.

“Diariamente fazemos um trabalho de orientação social com eles, um momento de vínculo e de tirar dúvidas. Nestes 30 dias de funcionamento não registramos nenhum conflito”, afirmou.

Tatiana ressalta que, caso seja necessário aumentar o número de dormitórios para receber outras pessoas em situação de rua, será ampliado para receber todos que necessitarem.

O abrigo vem recebendo a colaboração da população e das instituições religiosas que diariamente servem o jantar para todos que utilizam o abrigo. Nesta sexta-feira o jantar foi ofertado pela Paróquia Santo Antônio.

Para utilizar o espaço é preciso estar cadastrado no Centro Pop – Serviço Especializado para Pessoas em Situação de Rua e migrantes, localizado na rua José Bruno de Azevedo, 99, ao lado do Terminal Central.

O abrigo conta com 50 dormitórios e é aberto diariamente de 18h às 22h. No local é possível permanecer até às 8h do dia seguinte. Duas tendas são utilizadas, uma para homens e outra para mulheres.

No local é preciso seguir algumas regras para melhor convivência dos assistidos como a proibição de uso de álcool e outras drogas, além de não ser permitida a entrada de menores de 18 anos.

Os que procuram o abrigo recebem acolhimento de equipe multidisciplinar, como profissionais do Consultório de Rua, da Secretaria de Saúde, bem como a agendamento para confecção de documentos, caso haja necessidade, além de encaminhamento ao mercado de trabalho pela Secretaria Adjunta de Trabalho e Renda.

A população pode contribuir com a ação solidária, com doação de cobertores, meias e agasalhos. Mais informações pelo e-mail semas@macae.rj.gov.br ou pelo telefone 2765-0593, de 8h às 17h.