Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Sítio do prefeito de Carapebus foi assaltado na madrugada de ontem

O prefeito Rubem Vicente e seu filho, Anselmo Prata, proprietários do imóvel, não estavam em casa na hora do crime

Em 27/02/2008 às 01h03


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

   A ousadia dos bandidos parece não ter limites e eles já não estão respeitanto nem as autoridades. Na madrugada de ontem (25), por volta das 4h30, a vítima da criminalidade foi o prefeito de Carapebus, Rubem Vicente (PMDB), que teve a casa invadida por oito bandidos armados. O crime aconteceu no Sítio Calungueira, no bairro Morro Dantas, naquela localidade.
   De acordo com informações da polícia, a ação dos bandidos começou depois que o guarda municipal Antônio Marcos Ventapane Carvalho, foi rendido enquanto estava em uma guarita no Centro de Carapebus. Na hora, ele estava com mais dois colegas, que foram surpreendidos por três homens, todos armados.
   Acuados, eles foram colocados dentro de uma Parati e na viatura da Guarda Municipal. O caso já havia sido premeditado, já que um dos bandidos chegou a afirmar que "não queremos nada com vocês. Só queremos saber aonde é a casa do Prata (Anselmo, filho do prefeito)". Antônio ainda chegou a argumentar dizendo que Prata morava em Macaé.
   Daí, um dos bandidos ligou para outra pessoa que deu as coordenadas aonde seria a casa do prefeito. Um dos vigilantes foi obrigado a dirigir a viatura para despistar. Mais tarde, ao chegar no campo de futebol em Ubás, o guarda foi obrigado a entrar no porta-malas da Parati. O veículo seguiu enquanto ele ouviu conversas, e só foi retirado de lá quando chegou à casa do prefeito.
   Lá chegando eles colocaram os guardas municipais deitados e arrombaram a porta, querendo saber aonde tinha uma marreta. Os agentes ouviram barulhos como se estivessem quebrando algo. Depois de um tempo, os criminosos amarraram todos juntos e fugiram nos dois veículos. Os agentes acreditam que os bandidos não acharam nada do que queriam.
   Um tempo depois eles conseguirarm se soltar, perceberam os prejuízos e pediram ajuda à polícia, que compareceu ao local.
   Os agentes municipais não souberam informar características dos envolvidos, mas informaram que poderão reconhecê-los por retrato falado. A polícia ainda não tem pistas dos criminosos. Eles também não souberam informar se o prefeito estava na casa na hora do crime. A assessoria de comunicação da prefeitura não se manifestou sobre o ocorrido.
   O caso foi registrado na 123ª DP e será investigado.

Carro resgatado
   Na noite de ontem (25), por volta das 21 horas, a polícia conseguiu recuperar um dos carros utilizados no crime. A Parati MRJ-6835/ES cor bege, que pertencia a uma empresa de transportes, foi encontrada abandonada no Trevo dos Quarenta, na BR-101. Segundo informações da polícia, o carro havia sido roubado no dia 17 de fevereiro, e desde então estava em poder de bandidos. A empresa ainda não foi notificada do reaparecimento do carro.

Autor: Weslei Radavelli


    Compartilhe:


publicidade