Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Programa \'Estuda Macaé\' inicia cadastramento de estudantes

Em 07/05/2008 às 16h14


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

Entre os requisitos para se candidatar à Bolsa, o Entre os requisitos para se candidatar à Bolsa, o

 

Começou ontem o cadastramento de estudantes para o programa Bolsa Universitária/Profissionalizante 'Estuda Macaé'. Os interessados devem entregar a documentação exigida até o dia 9 de maio, no Protocolo Geral da Prefeitura, localizado na Avenida Presidente Sodré nº 534, Térreo, Centro, no horário de 8h ás 17h.

O programa Bolsa Universitária da Prefeitura de Macaé foi criado para garantir acesso a cursos superiores e profissionalizantes à população com renda familiar insuficiente para o custeio dos estudos. Podem se candidatar os estudantes que residam no município há pelo menos quatro anos e que tenham cursado os últimos dois anos em uma escola da rede pública municipal ou em instituição privada local com bolsa de estudos.

Para ter a oportunidade de ter seus estudos pagos pela municipalidade, os estudantes devem apresentar os seguintes documentos: cópias do CPF, RG, Título de Eleitor, certidão de nascimento dos membros da família menores de 18 anos (filhos e/ou irmãos residentes no mesmo endereço apresentado); comprovante de residência no município de Macaé há pelo menos quatro anos (como exemplo, cópia da conta de água, luz ou telefone em nome dos pais ou do requerente, declaração de Imposto de Renda dos pais ou do requerente ou contrato de trabalho).

Além destes documentos, são exigidos comprovante de haver cursado no mínimo 50% de sua escolaridade referente ao ensino básico ou pelo menos os dois últimos anos do Ensino Médio na Rede Pública ou o mesmo período em instituição privada através de comprovante de bolsa de estudo; histórico escolar, comprovante de renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio (recibo de salário/comprovante de rendimento de todos os membros da família residentes no mesmo endereço apresentado).

Os interessados devem apresentar também comprovante de matrícula em instituição privada de ensino (Superior ou Profissionalizante), instalada em Macaé, autorizada pelo órgão competente, contendo o valor da mensalidade; declaração dos membros da família, residentes no mesmo endereço apresentado, de que não possuem renda e declaração do candidato de não ter concluído nenhum curso superior. O estudante não poderá estar inscrito em nenhum outro programa educacional, recebendo auxílio ou benefício para custeio de estudos.

Os processos de solicitação de bolsas são analisados pela coordenação de Programas e Projetos da secretaria Especial de Desenvolvimento Social e Humano. É realizado um estudo sócio-econômico dos candidatos, com base na documentação fornecida por eles, para apurar a real necessidade da bolsa.

Criado em 2006, o programa 'Estuda Macaé' encerrou o ano de 2007 com 860 alunos, regularmente matriculados em instituições privadas de ensino superior de graduação e em instituições de ensino técnico profissionalizante.

 

 

BOX

Instituições de ensino superior conveniadas:

- Universidade Estácio de Sá (Fisioterapia, Educação Física, Planejamento e Gestão Ambiental, Recursos Humanos, Petróleo e Gás, Engenharia de Petróleo, Administração e Direito)
- Faculdade Salesiana Maria Auxiliadora (Comunicação Social - Jornalismo e Publicidade e Propaganda, Sistemas de Informação, Engenharia de Produção e Administração de Empresas)
- Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Macaé (Pedagogia e Letras);
- EDUCON (Administração de empresas, Ciências Contábeis, Serviço Social, Letras, Pedagogia e Matemática)
- Universidade Cândido Mendes em parceria com a FUNEMAC (Normal Superior Pedagogia)
- Escola Teológica Redemptoris Mater (Teologia)

Cursos técnicos conveniados

- SENAC
- Instituto Nossa Senhora da Glória
- Colégio Bruno Ostmann
- Escola Técnica José Rodrigues da Silva
- Centro Educacional Especializado em Saúde (CEES)
- Centro Educacional de Formação em Saúde (CEFS).

Autor: Cris Rosa


    Compartilhe:


publicidade